Tecnologia a favor da água

Projeto realizado em conjunto pela UFSC, Embrapa e Epagri investe na gestão sustentável dos recursos hídricos

Um dos cursos presenciais oferecidos pelo projeto foi a geocapacitação realizada em Araranguá, em novembro - Foto: Projeto TSGA/Divulgação

Um dos cursos presenciais oferecidos pelo projeto foi o da geocapacitação realizada em Araranguá, em novembro – Foto: Projeto TSGA/Divulgação

Por Mônica Custódio

Em um mundo onde as crises hídricas são cada vez mais constantes, parece urgente pensar em alternativas sustentáveis para o uso da água. Foi pensando nisso que o projeto Tecnologias Sociais para a Gestão da Água (TSGA), que busca fortalecer o uso eficiente da água em Santa Catarina, foi criado.

Atualmente administrado em uma sala no prédio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária (Fapeu), no campus da UFSC, em Florianópolis, o projeto dissemina o uso de tecnologias sociais – técnicas criadas para solucionar algum problema social e que atendam a quesitos como simplicidade, baixo custo e fácil aplicabilidade – na produção de alimentos e saneamento básico do meio rural. Outras atividades são cursos de capacitação na área de gestão ambiental, oferecidos presencialmente e à distância.

A aluna de Engenharia Sanitária e Ambiental Thaianna Cardoso, bolsista do TSGA, conta que a atuação se dá através do apoio à gestão local – além de Florianópolis, há representantes no Sul, no Oeste e na Serra de Santa Catarina, regiões onde o conflito hídrico já é uma realidade. Nesses lugares, são instaladas e utilizadas unidades piloto de sistemas de tecnologias sociais para o uso eficiente da água.

Lideranças, técnicos e estudantes aprenderam sobre gestão social de bacias hidrográficas durante capacitação em Chapecó - Foto: Projeto TSGA/Divulgação

Lideranças, técnicos e estudantes aprenderam sobre gestão social de bacias hidrográficas durante capacitação em Chapecó – Foto: Projeto TSGA/Divulgação

Em março, o TSGA implantou pela primeira vez no país um modelo de cisterna com areia, reservatório que possui 65% do volume preenchido pelo material, formando uma espécie de filtro. Ao sair da cisterna, a água pode ser usada para descargas de vasos sanitários, mictórios, rega de plantas, limpeza de pisos, dentre outros usos. E, caso passe por um processo de desinfecção, como o de cloração, o líquido pode ser considerado potável.

Além de minimizar a gravidade da falta de água em regiões de chuvas mal distribuídas, essa tecnologia pode reduzir gastos com a conta de água do abastecimento convencional, ou, em alguns casos, substituí-lo totalmente. A vantagem do sistema é a conservação e filtração geradas pela areia presente dentro do reservatório. A cisterna fica na Escola Rio dos Anjos, em Araranguá.

Outra tecnologia de fácil adaptação divulgada pelo projeto é o potabilizador solar, espécie de pirâmide de vidro dentro da qual deve se colocar a água a ser filtrada. O líquido evapora e, ao tocar o vidro, é condensado e volta ao estado anterior, sendo tratado apenas com a utilização da energia solar. A técnica é indicada para residências que não recebem água por abastecimento público.

Outra parte do projeto é dedicada à formação de gestores ambientais, nas modalidades presencial e à distância. Para isso, o TSGA disponibiliza uma plataforma online chamada Educação em Rede, onde são publicados cursos de agroecologia, sustentabilidade, tecnologias sociais, educação ambiental, gestão social de bacias hidrográficas e saneamento. Ainda no site, é possível encontrar uma biblioteca virtual com textos técnicos e científicos, vídeos, teses e dissertações.

O projeto deve ser ampliado em breve com a implantação do Centro de Tecnologias Sociais e Gestão da Água (Centragua), cujo prédio está em construção no campus da UFSC.

O TSGA teve uma primeira edição, realizada entre 2007 e 2010, que tratou sobre sustentabilidade na suinocultura. Iniciada em 2013, a edição atual do projeto conta com o patrocínio da Petrobras, além do apoio da Embrapa e Epagri e da execução da UFSC.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s